Sobre a Crise dos 7 ANOS

Muito se fala sobre a temível crise dos 7 anos de casados, mas por que será que ela acontece?

Alguns estudiosos dizem que nosso corpo se renova a cada 7 anos.
Psicólogos afirmam que nosso comportamento sofre pequenas mudanças a cada 7 anos.

Assim como o corpo físico e a mentalidade se modificam ao longo do tempo, os relacionamentos afetivos também passam por transformações com o passar dos anos.
No início o relacionamento tinha um sabor e agora nas bodas de 7 anos ele vai adquirindo outro gostinho, mas isso não quer dizer que seja um sabor amargo. No entanto muitas vezes os casais sentem-se desconfortaveis com essa fase, mas é importante observar que ela diz respeito muito mais as “dores de crescimento” do que com uma “morte” do relacionamento.

Dessa forma, sob meu ponto de vista, a crise do sétimo ano diz respeito a dificuldade que o casal encontra em se adaptar as mudanças que o relacionamento está passando.

Sendo assim é possível que hajam outras crises desse tipo durante a vida conjugal: a crise dos 14, 21, 28 anos… Mas, por que será que não se fala tanto nelas?
Penso que quando o casal tem 14 anos ou mais de relacionamento 2 coisas podem ter acontecido: a relação tem profundidade e solidez para enfrentar essas “crises” com mais sabedoria e temperança ou o relacionamento não mais existe de verdade, é apenas uma fachada, e então a crise não acontece, porque ela só é possível quando o relacionamento ainda está vivo (e crescendo).

E você? O que pensa desse assunto? Deixe seu comentário!

Assista a esse vídeo:

Veja Também:
Como Cresce O Amor?

Acredite no Amor
e Viva o seu Melhor!!
Pâmi Garcia

Comments

  1. Anônimo disse... says

    eu estou passando por essa crise mas no meu caso aconteceu a separação e a traição por parte dele estou sofrendo muto mas espero consegur superar ele ja esta pedindo para voltar eu não sei o que eu faço ja não é a primera vez eu sei que meu psicologco estara muto abalado e acho que não consgo esquecer essa traição…
    29 de junho de 2011 17:46

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>